Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

‘Temos um sólido plano de expansão no Brasil’, diz presidente da Profarma Specialty

 

Publicado em 15/01/2020

Há cinco anos no Brasil a joint venture registrou balanço positivo, com crescimento de 15% no faturamento, e faz plano de estender suas operações a outros estados

 

Por MundoLogística

No Brasil desde 2014, quando a Profarma, empresa do setor de saúde, se associou com AmerisourceBergen, líder mundial em especialidades farmacêuticas, a Profarma Specialty aumentou seu faturamento em 15% até 2019. A joint venture, com sede em São Paulo, também possui centros de distribuições em Curitiba, Canoas (RS) e Serra (ES).

A MUNDOLOGÍSTICA entrevistou, com exclusividade, Vilson Schvartzman que é presidente da Profarma Specialty. Ele garantiu a intenção de expandir as atividades no Brasil e na América Latina e também falou sobre os planos de instalar centros de distribuição na região Nordeste.

Atualmente, a companhia é o único player do Brasil com serviços em distribuição, farmácia de especialidades e suporte ao paciente. A sua logística, de cobertura nacional, faz mais de 10.000 entregas mês, sendo que cerca de 70% dos produtos são refrigerados.

Confira a entrevista na íntegra:

 

MUNDO LOGÍSTICA: Vilson, poderia nos contar um pouco sobre a Profarma Specialty?

VS: Fundada em 2014, a Profarma Specialty é uma joint venture criada a partir associação estratégica entre a AmerisourceBergen, líder mundial em especialidades farmacêuticas, e a Profarma, empresa do setor de saúde com grande conhecimento do mercado nacional. A companhia é o único player do Brasil com serviços em distribuição, farmácia de especialidades e suporte ao paciente.

As soluções oferecidas pela companhia têm como objetivo principal ajudar os parceiros da empresa, oferecendo soluções inovadoras que garantam que o paciente seja o maior beneficiado pelos serviços.
Seguindo as exigências legais e regulatórias nacionais, a Profarma Specialty apresenta um catálogo com mais de 1.000 produtos com soluções em saúde para oncologia, dermatologia, vacinas e hospitalares. Com sede em São Paulo, mais de 600 colaboradores trabalham juntos para formar a mais completa empresa de serviços para o setor da saúde.

Em 2017, foi inaugurada a sede São Paulo, como um movimento estratégico para concentrar as três unidades de negócios e seus respectivos departamentos para oferecer mais qualidade e rapidez em soluções integradas e inovadoras.

A companhia também possui centro de distribuições em Curitiba, Canoas (RS) e Serra (ES) e lojas da Farmácia de Especialidades em São Paulo, Rio de Janeiro e Goiânia. Em 2018, o grupo americano AmerisourceBergen aumentou sua participação na Profarma Specialty passando a ter 90% dos investimentos na joint venture.

 

ML: 2019 marca o quinto ano da empresa no Brasil. Qual a análise sobre essa atuação? O mercado brasileiro correspondeu às expectativas?

VS: O balanço é bastante positivo. Nos últimos dois anos, crescemos em média 15% o nosso faturamento e em 2019 devemos crescer mais 10% (não há dados de 2019 até a data da entrevista). Para uma empresa com apenas cinco anos no mercado, acredito que estamos no caminho certo. O investimento recente da AmerisourceBergen também nos faz acreditar que o Brasil é um país estratégico e com grande potencial de crescimento, especialmente no setor de saúde, por isso, estamos bastante confiantes que nos manteremos nesse caminho positivo nos próximos anos.

 

ML: E para os próximos cinco anos, quais os planos para continuar mantendo o compromisso de melhorar a saúde no Brasil e facilitar o acesso das pessoas aos medicamentos?

VS: Temos um sólido plano de expansão no Brasil e na América Latina e, por isso, estudamos as melhores possibilidades de crescimento do negócio.
Temos planos avançados de expansão de nossos centros de distribuição, reforçando nossa atuação na região nordeste, que apresenta forte crescimento e potencial. E para a América Latina já estamos servindo o México e América Central, com a Unidade de Negócio Suporte ao Paciente, e temos outros países em fase de preparação para expansão.

Continuaremos expandindo nosso portfólio com novas linhas de produtos. No último ano, tivemos um crescimento expressivo em novas linhas de medical devices e temos planos de continuar expandindo em 2020.

Desta forma, a companhia está analisando todas as oportunidades para seguir com o compromisso de melhorar continuamente a saúde no país, ajudando pessoas a terem acesso aos medicamentos que elas necessitam.


ML: Quais os maiores desafios logísticos enfrentados pela Profarma Specialty, considerando que trabalham com produtos altamente sensíveis?

VS: Atualmente trabalhamos com uma logística de cobertura nacional com mais de 10.000 entregas mês e cerca de 70% de produtos refrigerados, que precisam ser mantidos em temperaturas de 2oC a 8oC. Esse volume por si só, dada a dimensão e capilaridade de nosso país já é um grande desafio.

Adicionalmente, em 2020 teremos a entrada da RDC304, que é uma nova regulamentação que torna as exigências em relação ao transporte de medicamentos mais restritivas. Isso exigirá investimentos relevantes em tecnologias de monitoramento e controle, além de adequação a novos processos.

De qualquer forma, vemos estes investimentos como positivos, pois tornarão a cadeia mais segura e nos permitirá também nos diferenciar de players que eventualmente não atendam aos requisitos necessários.

 

ML: O setor logístico tem investido maciçamente em tecnologias como a Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Big Data e Machine Learning. Vocês têm incorporado algumas destas tecnologias? Há projetos em andamento neste sentido?

VS: Recentemente, desenvolvemos uma ferramenta chamada Torre de Controle de logística, reforçando a qualidade nas entregas ao monitorar 24 horas por dia os produtos em rota por meio de inteligência artificial com coleta de dados em tempo real.  Essa nova central de monitoramento está instalada na sede da companhia em São Paulo e conta com uma equipe totalmente dedicada ao processo de monitoramento.


ML: E poderia nos contar um pouco sobre como o projeto Cubixx Connect?

VS: A Profarma Specialty trabalha em projetos que visam otimizar as soluções oferecidas para os parceiros e clientes por meio de soluções integradas. Um exemplo é a linha Cubixx que conta com o Cubixx Connect, sistema automatizado que monitora em tempo real a temperatura e umidade, auxiliando na proteção dos produtos especializados de alto custo e facilitando o armazenamento de medicamento. Temos também o refrigerador Cubixx, que permite nosso monitoramento remoto e reposição automática de estoques a partir da tecnologia de RFID, e estamos desenvolvendo, em parceria com a AmerisourceBergen, outras soluções, como monitoramentos de estoque por imagem.


ML: Algo mais que gostaria de acrescentar?

VS: Nós temos um compromisso de criar futuros mais saudáveis e, por isso, nosso objetivo não é apenas entregar medicamentos dentro dos prazos e cumprir com as exigências dos mercados. Queremos oferecer conforto, comodidade e qualidade de vida para essas pessoas.

Trabalhamos para melhorar a saúde no Brasil e agregar aos produtos e serviços que oferecemos um conjunto de soluções que torne a vida dos pacientes mais fácil, permitindo assim acesso e suporte ao tratamento que eles precisam.

Quer se manter atualizado em logística e supply chain?
Clique aqui e saiba mais!

Ultimas tendencias - assinatura

 

Veja também: