Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Electrolux adota sistema da Opentech e zera sinistros de cargas

 

Publicado em 01/12/2021

Segundo o gerente de Logística da Electrolux América Latina, o nível zero de sinistros é um marco sem precedentes nos últimos anos da operação da empresa


Foto: Divulgação

Nos últimos dois anos, a Electrolux, marca de eletrodomésticos, vem ampliando os investimentos em infraestrutura logística para melhorar a qualidade e a agilidade das entregas e reduzir gaps que representam custos desnecessários. Em apenas seis meses de parceria com a Opentech, empresa especializada em gestão logística e gerenciamento de risco, os resultados aparecem: foram zero sinistros no período.

De acordo com o gerente de Logística da Electrolux América Larina, Daniel Battistella, o nível zero de sinistros é um marco sem precedentes nos últimos anos da operação da empresa. “O ganho mais perceptível até o momento é a não incidência de sinistros graves nos últimos seis meses na operação com a Opentech, que faz a gestão da segurança do sistema de logística”, diz.

Já o CEO da Opentech, Diego Gonçalves, pontua que reduzir a zero o índice de sinistros de cargas é o resultado mais visível de uma série de inovações colocadas pela Opentech à disposição da Electrolux.

“Entre várias conquistas, destaco a implementação de grupo de comunicação de boas práticas de gestão de risco, implementação da gestão de não conformidades de risco on-line [Dashboard Raio-x Cliente], maior agilidade na liberação dos veículos a partir da utilização do SIL [Sistema Integrado de Logística], aumento da visibilidade logística com plataforma integradora, contribuição para evolução no controle das despesas com diárias e desenvolvimento de gestão Data Driven, com Dashboards para acompanhamento em tempo real dos principais indicadores da operação [volume de programações, Transit-Time, diárias, idade média e performance dos transportadores].” – Diego Gonçalves, CEO da Opentech.

Daniel Battistella ressalta que a empresa viveu nos últimos meses uma transformação na experiência do consumidor – em especial quando se trata de e-commerce – e, para alcançar os novos patamares de serviço, a Electrolux está aplicando soluções que melhoram a agilidade e a confiabilidade do processo, eliminando etapas que não agregam valor à cadeia. “O aumento no volume de vendas no digital nos fez repensar e implementar novos formatos logísticos para atender com excelência os nossos clientes varejistas e diretos, disponibilizando melhores prazos e confiabilidade ao consumidor e parceiros, pensando no crescimento sustentável de nossos negócios.”

O gerente de Logística da Electrolux América Latina reforça que o objetivo da parceria com a Opentech é ter uma solução digital que traz mais segurança aos controles das entregas, no que tange à redução da sinistralidade. “Além disso, queremos melhorar o nível de informação das nossas entregas, possibilitando melhoria do atendimento ao cliente. Destacamos a adesão da Opentech nos objetivos da Electrolux em automatizar os processos, ao mesmo tempo em que são aplicados formatos mais seguros no trânsito de cargas, sem comprometer a agilidade da operação.”

Segundo Diego Gonçalves, a Opentech investe constantemente em inovação, integrando o gerenciamento de risco e a logística de forma inteligente, aumentando a segurança e a eficiência dos processos. “O custo logístico no Brasil é muito maior que em países mais desenvolvidos e nosso papel como gerenciadora de risco que fornece tecnologia é reduzir sinistralidade e aumentar a eficiência das frotas e das operações”, salienta.

CRESCIMENTO DE 20% EM 2021

A Opentech deve fechar o ano com crescimento de 20%, com foco nos segmentos em que é especialista, como grandes transportadores, operadores logísticos e embarcadores. A empresa tem grande presença nos mercados alimentício, de produtos frigorificados e fármacos, além de ser líder em linha branca.

 

Artigo(s) publicado(s) na revista e relacionado(s)


 

O uso da tecnologia nas adversidades da gestão de transportes
A tecnologia da informação tem papel fundamental na solução de emergências, pode prevenir perdas e ter reflexo direto no faturamento do setor logístico

 

 

Veja também: