Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Em parceria, Inatel e Taggen criam projeto para localização de alta precisão e baixo custo pioneiro na América Latina

 

Publicado em 06/07/2021

Juntos, produtos ampliam as possibilidades de aplicações em várias verticais, como indústria automobilística, logística, varejo, óleo e gás, saúde, agronegócio e cidades inteligentes


Foto: Divulgação

A Taggen, especializada em soluções para IoT (Internet das Coisas), se aliou ao Inatel em uma parceria que resultou na criação de um produto pioneiro na América Latina: a nova geração do TaggenBeacon na versão BLE 5.1. A inovação prevê elevar em até oito vezes a capacidade de identificação e localização das “coisas” com precisão de submetro, além de oferecer conexões via Bluetooth, Wi-Fi, 4G LTE, NBIoT e 5G.

Para a introdução dessa nova geração do dispositivo, a parceria está recebendo recursos não-reembolsáveis da EMBRAPII (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação). A parceria com o Inatel inclui o desenvolvimento do novo TaggenGateway.

Juntos, os produtos ampliam as possibilidades de aplicações em várias verticais, como indústria automobilística, logística, varejo, óleo e gás saúde, agronegócio e cidades inteligentes. Por meio da instalação no beacon de um conjunto de sensores, é possível detectar e mensurar luminosidade, temperatura, pressão, acelerômetro, entre outros parâmetros.

De acordo com o gerente de Desenvolvimento de Negócios do Inatel Competence Center, Sandro Duarte Azevedo, o Beacon BLE 5.1 é apenas o primeiro projeto desta parceria. “A Taggen é uma startup com forte desejo de inovação e encontrou no Inatel um parceiro tecnológico para ajudá-la no desenvolvimento de soluções para os diversos segmentos em que pretende atuar com o seu portfólio de dispositivos diferenciados”, afirma.

 

Veja também: