ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Promo PowerBank

 

Categorias

 

Point Sistemas

 


 
 Quintiq

 

Intermodal

 



Hidrovias do Brasil cresce 38% no EBITDA do 3º trimestre

Publicado em 18/11/2019

Crescimento foi impulsionado pelo aumento da competitividade do Arco Norte, alcançando R$153,8 milhões

 

A Hidrovias do Brasil, empresa de logística integrada com foco no transporte hidroviário na América Latina, divulgou os resultados do terceiro trimestre de 2019. Os números registram uma alta de 38% no EBITDA (R$ 153,8 milhões) em relação ao mesmo período no ano anterior.
A empresa credita parte deste resultado ao aumento no volume transportado em ambos corredores logísticos em que a companhia atua. Por exemplo: o Corredor Norte, teve um aumento de 25% no volume de grãos e fertilizantes, além da ampliação do número de contratos de curto prazo. Outros pontos importantes foram a expansão da safra e a redução da tarifa de frete na BR- 163, que favoreceram a competitividade das exportações de grãos pela região Norte.


Corredor Sul - Compreendendo a Hidrovia Paraná-Paraguai (minério de ferro, grãos e fertilizantes) e o Rio Uruguai (celulose), o Corredor Sul encontra-se em atividade operacional plena e com resultados consolidados. A geração de caixa deste corredor é majoritariamente denominada em dólares. O volume total transportado cresceu 30% no período.

Corredor Norte - Operando nos rios Tapajós e Amazonas (grãos e fertilizantes) e nos rios Trombetas e Amazonas (bauxita). A geração de caixa da operação Norte é majoritariamente denominada em real, com as receitas e custos referenciados nesta moeda.
No terceiro trimestre de 2019, o segmento de grãos e fertilizantes neste corredor cresceu 25% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já o EBITDA ajustado teve crescimento de 60% (R$ 66 milhões).
A redução na tarifa de frete na BR- 163 aumentou a competitividade das exportações de grãos por meio da região, com um aumento substancial no volume transportado por meio dos portos do Arco Norte.

 

 

Atuação da Hidrovias do Brasil

No Corredor Logístico Norte (Miritituba-Barcarena, Pará), a empresa oferece uma alternativa logística integrada para o transporte e escoamento de grãos da região Centro-Oeste do Brasil, além da operação de cabotagem para transporte de minérios (bauxita). Já no Corredor Logístico Sul, a empresa opera por meio da Hidrovia Paraguai-Paraná, onde movimenta mais de 6 milhões de toneladas de cargas diversas, como commodities agrícolas, minérios, fertilizantes, celulose, entre outras.

 

 

 

Veja também: