Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Novos serviços da Contrail aumentam número de trens no TIJU

 

Publicado em 04/12/2019

O volume de carga e de demanda, das empresas de Jundiaí e região, com destino ao Porto de Santos teve alta devido a oferta de serviços antes só oferecidos na região próxima ao porto

 

Responsável pelo Terminal Intermodal de Jundiaí (TIJU), a Contrail Logística, que opera em Jundiaí (SP) desde 2017, passou a oferecer, desde o mês de outubro, serviços agregados ao transporte de contêineres, como: armazenagem, desova e estufagem de cargas para todo o interior de São Paulo.
Dessa maneira, houve o aumento no volume de carga e da demanda por parte das empresas de Jundiaí e região, ou seja, foram registradas mais saídas diárias do TIJU até o Porto de Santos. A expectativa é que a movimentação média mensal ultrapasse dois mil contêineres.
Segundo o diretor comercial e de operações da Contrail, Diego Bueno, além da ligação entre o Porto de Santos e Jundiaí, a empresa também oferece outras rotas ligando Jundiaí ao Rio de Janeiro e Paulínia a Anápolis, em Goiás. 

 

Serviços favorecem empresas com baixa estrutura

Com os novos serviços oferecidos pela Contrail, as empresas da região, com falta de estrutura para carga e descarga de contêineres, passam a ter uma opção mais próxima, já que até então os serviços de estufagem, armazenagem e movimentação de carga solta só eram realizados em áreas localizadas no Porto de Santos.

 

O TIJU

Atualmente, o terminal ocupa uma área de 75 mil metros quadrados, com desvio ferroviário de 450 metros e capacidade de operacionalização de trens com até 21 vagões, com capacidade de transporte de até 84 Teus por trem.
A Contrail oferece os serviços de transporte multimodal integrado à ferrovia da MRS Logística e/ou VLI; entrega ou coleta com transporte rodoviário; serviços acessórios como armazenagem de contêineres cheios e vazios; transbordo ferroviário e depot dos principais armadores.

 

A vantagem ferroviária 

Certamente, há muitos quesitos que fazem do transporte ferroviário uma opção vantajosa e que garante aumento na competitividade. Além da possibilidade de integração do transporte multimodal - caminhão / trem / navio – que traz a eliminação com custos de armazenagem, mais segurança, sustentabilidade e maior capacidade de atendimento.

 

A ferrovia se tornou uma opção mais competitiva e atrativa em relação ao transporte rodoviário com a redução de custos logístico total e estrategicamente importante para que o embarcador não fique preso a um único modal de operação. ” - Diego Bueno, diretor Comercial e de Operações da Contrail.

 

 

Veja também: