ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Transfolha - Dia das Crianças

Intelbras
 

 

Categorias

 

MLOG - Manter atualizado

 

Logist

 



Projeto da Bertolini aperfeiçoa operação do MetrôRio

Publicado em 07/08/2014

Empresa do grupo Invepar, responsável pela rede metroviária central do Rio de Janeiro, buscou soluções rápidas e adaptáveis em sistemas de armazenagem

A funcionalidade, integrada a produtos simples e altamente adaptáveis, pode ser uma grande aliada no momento de otimizar espaços. Ao reunir todos esses atributos em projetos que garantem prestabilidade e versatilidade, a Bertolini se destaca no segmento de sistemas de armazenagem. Escolhida pela MetrôRio para realinhar espaços internos, a Bertolini reafirma seu compromisso com a eficiência.

A MetrôRio, empresa do grupo Invepar de transporte urbano de passageiros, é responsável por administrar, operar e manter as linhas 1 e 2 do sistema metroviário do Rio de Janeiro. A necessidade de maximizar a produtividade do setor de almoxarifado foi o que motivou a busca pela marca. “Durante a fase de projeto, elaboramos um estudo para aprimorar o espaço, proporcionando melhor atendimento ao cliente interno”, explica Luiz Fernando Teixeira de Andrade, responsável pelas Operações Logísticas de Materiais da MetrôRio.

Para garantir o equilíbrio das operações de recebimento, separação e expedição, a empresa optou por três linhas distintas para armazenagem de produtos de manutenção, reparo e operação (MRO), Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e uniformes para atendimento a toda atividade metroviária. A estrutura está localizada em uma área com volume de 25 mil m³, em um espaço de 6.000 m², dispostos em quatro armazéns, o que equivale a cerca de 200 casas populares.

O porta-pallet, ideal para comportar produtos de médio porte, foi adaptado para porta-bobina, permitindo acesso rápido e individualizado. A linha Pallet Leve e Multblock foi escolhida para a armazenagem de materiais de pequeno porte. O sistema versátil permite que seja estruturado em conjunto com mezaninos e passarelas, assumindo vários níveis de altura.

No setor de picking (separação e preparação de pedidos), a alternativa foi o Flow Rack: um sistema de armazenagem dinâmico, ideal para rotação automática de pequenos volumes. No Flow Rack, os artigos são carregados por uma das extremidades e deslizam por gravidade sobre rodízios até a zona de coleta. “Além da qualidade de seus produtos, a Bertolini nos ofereceu uma solução adaptada ao nosso negócio, proporcionando uma relação custo-benefício e otimização do espaço”, ressalta Andrade.   

Faça como milhares de profissionais! Acesse a plataforma para
profissionais de logística e supply chain. Clique aqui e saiba mais!

 

Veja também: