Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Santos Brasil desenvolve sistema de rastreamento de caminhões

 

Publicado em 27/03/2015

Inovação substitui ferramentas terceirizadas e monitora tempo médio de viagens, aumentando a produtividade de caminhões próprios e de transportadoras parceiras

A Santos Brasil lançou uma inovação tecnológica para otimizar seu serviço de transportes rodoviários de contêineres e cargas gerais. O novo Sistema de Rastreamento de Veículos foi implantado em todos os caminhões próprios da companhia e de parceiros, com o objetivo de proporcionar mais segurança para motoristas e cargas e de aumentar a produtividade dos utilitários. Esse é mais um projeto de alta tecnologia, desenvolvido integralmente pela área interna de Tecnologia da Informação (TI), visando ao aumento da eficiência no mix de serviços da companhia referência em solução logísticas completas, do porto à porta.
 
O sistema substitui três ferramentas terceirizadas e utilizadas anteriormente para monitorar os veículos que levam e trazem cargas entre as unidades logísticas e portuárias da Santos Brasil, na Baixada Santista, e os destinos dos clientes. A partir de agora, as informações referentes à localização dos caminhões, além do tempo previsto para cada viagem, estão centralizadas em um único programa e são monitoradas por meio de três painéis operacionais, localizados na base de transportes rodoviários da companhia.
 
O primeiro painel, chamado de Painel Setex (Setor de Execução), atualiza e exibe dados referentes ao status das viagens de caminhões carregados, garantindo informações atualizadas, para cliente e motoristas das frotas própria e agregada, sobre a localização da carga durante as viagens.  Já o Painel de Programação apresenta o tempo médio para cada caminhão vazio retornar à base. Os condutores também podem conferir previamente seus destinos e tempo médio de viagem por meio do Painel do Motorista.
 
“Nosso novo sistema permite um planejamento de viagens mais apurado e antecipado, porque sabemos com maior precisão quando os veículos chegarão aos seus destinos e retornarão para uma nova viagem, evitando o tempo ocioso entre as demandas”, destaca o gerente-executivo de Transportes da Santos Brasil, Wendell Fernandes. A partir de agora, a Santos Brasil poderá aumentar o uso de utilitários de sua frota própria, que, hoje, soma 143 caminhões e 228 semirreboques, proporcionando a empresas embarcadoras uma maior oferta de veículos que passam regularmente por manutenção preventiva e têm, em média, apenas três anos de operação.
 
Além de contribuir com a eficiência, a nova tecnologia proporciona vantagens adicionais para a operação, como melhor controle da jornada de motoristas vinculados à companhia e agregados, bloqueio de veículos com manutenções agendadas e controle de engate e desengate de caminhões e semirreboques.
 
“Com a sinergia entre as áreas de TI e Transportes, pudemos desenvolver um sistema que atende melhor às nossas próprias necessidades”, analisa o diretor de Tecnologia de Informação da Santos Brasil, Ricardo Abbruzzini Filho. A área de Transportes Rodoviários da Santos Brasil superou a meta determinada para o indicador de produtividade das frotas própria e agregada em 2014.

 

Veja também: