Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Soluções SaaS elevaram a receita da Blue Younder em 81%

 

Publicado em 07/08/2020


E-commerce e a Covid-19 aceleraram a transformação digital. Empresas buscaram mais por soluções SaaS e implantações na nuvem


A Blue Yonder anunciou resultados auditados para o trimestre fiscal, encerrado em 30 de junho de 2020. A receita de SaaS de US$ 61 milhões aumentou 81% em comparação com 2º trimestre de 2019, e um aumento de 11%, em relação ao 1º trimestre de 2020, já que a empresa continua a executar o seu plano de transformação SaaS. A receita anual SaaS recorrente para o 2º trimestre de 2020 aumentou 72% no 2º trimestre de 2019, com um recorde de US$ 268 milhões. No Brasil, a Superfrio expandiu os seus serviços da Blue Yonder com novas licenças e funcionalidades.



"Nossos clientes procuram uma maior capacidade da recuperação da cadeia de suprimentos e o planejamento de cenários, promovendo a demanda por nossas soluções SaaS e implantações na nuvem. Nossa equipe lançou sete ofertas exclusivas da cadeia de suprimentos Covid-19 para clientes do varejo, da logística e 3PL com ênfases em arranques rápidos, permitindo aos clientes navegarem de maneira efetiva no entorno externo e oferecer produtos e serviços essenciais com prognósticos mais precisos, visibilidade do inventário e com programação da força laboral.” - Girish Rishi, CEO da Blue Yonder.



As reservas de novos produtos no 2º trimestre de 2020 (software e SaaS) aumentaram 9% sequencialmente, em comparação com o 1º trimestre de 2020, impulsionadas por um aumento de 23% nas reservas de SaaS em comparação com esse período. O mix SaaS do 2º trimestre da Blue Yonder representou 71% do total de pedidos de produtos. A receita recorrente total (SaaS, suporte e hospedagem) de US$ 164 milhões no 2º trimestre de 2020 cresceu 10%, em comparação ao mesmo período de 2019,o que representa 68% da receita total, como resultado da transformação da empresa para um modelo de negócios baseado em SaaS / assinatura. A receita total foi de US$ 242 milhões no 2º trimestre de 2020, uma queda de 9% em relação ao mesmo período de 2019, que incluiu um grande contrato de licença permanente. A taxa de retenção de receita SaaS no 2º trimestre da Blue Yonder foi superior a 125% e a acumulação de receita SaaS foi de aproximadamente US$ 685 milhões.

A Blue Yonder adicionou 27 novos clientes netos no segundo trimestre de 2020 e fez 11 negócios de mais de US$ 500 mil. Alguns dos clientes que selecionaram ou expandiram sua presença na Blue Yonder durante o trimestre foram:

  • América: Best Western International, Inc., Castellini, C.H. Robinson, CHEP, Echo Global Logistics, Harbor Foods Group, Jumex, Liverpool, Merck Sharp & Dohme Corp., MJ Holding Company, LLC, NFI Industries, Orgill Inc., Retail Business Services, LLC, Reyes Holdings LLC, Schnuck Markets, Inc ., Sheetz, Inc., SuperFrio, The Source (Bell) Electronics, Inc., Talbots, Inc., Uber Freight, Uline, Inc., Wakefern Food Corporation;
  • Ásia Pacífico: AirAsia Group Berhad, Ambuja Cements Ltd, Domat Slog Polri, Key Foundry Co. Ltd, Mahindra & Mahindra Ltd, Metropac Movers Inc, PT Indocement Tunggal Prakarsa Tbk;
  • Europa, Oriente Médio e África (EMEA): AKW GLOBAL Warehousing Ltd, Bon Preu, Clipper Logistics plc, Coop Sverige AB, DHL, Epiroc Drills A, HT Holding, Maxi Di, PSA, Shoprite Checkers (PTY) LTD, Pets at Home Limited, Union Invivo.

 

 

Veja também: