Informe os dados de acesso para entrar na área do assinante.

Sovos integra cálculo tributário à solução de mensageria de transporte

 

Publicado em 10/11/2021

Integração inédita no mercado permite que seja validado corretamente o cálculo da tributação da CT-e, o que significa obter uma informação íntegra para o envio ao governo, assim como o exato recolhimento do imposto


Foto: Divulgação

De olho no impacto causado pela alta do e-commerce na logística, a filial brasileira da Sovos lançou uma integração destinada ao segmento logístico e de transporte. O serviço une o Taxrules, motor de cálculo tributário, ao Smart DF-e, solução de mensageria que emite e recepciona o Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e), documento digital que é exigido no transporte de mercadoria e cargas em qualquer modal – seja rodoviário, aéreo, ferroviário ou aquático.

Na prática, essa integração inédita no mercado permite que seja validado corretamente o cálculo da tributação da CT-e, o que significa obter uma informação íntegra para o envio ao governo, assim como o exato recolhimento do imposto.

Segundo o diretor de produtos da Sovos, Zuza de Carvalho, a automatização do processo tem como objetivo oferecer agilidade, redução de custos e de riscos na tributação para as empresas, “que pode impactar em autuações e até mesmo a apreensão de mercadorias numa fiscalização durante o trânsito dos produtos”.

De acordo com Carvalho, nenhuma solução de mensageria, que comunica as informações dos softwares de gestão integrada (ERP) ou de gerenciamento de transporte (TMS) das empresas com a Secretaria da Fazenda (Sefaz), analisam o conteúdo tributário, trazendo riscos às operações.

"Com o Taxrules inserido nesse processo, as empresas poderão garantir o acompanhamento das informações tributárias por meio de um serviço que mantém os cálculos de tributos atualizados constantemente a partir da inteligência artificial e do trabalho de uma equipe de advogados tributaristas que acompanham todas as mudanças das normas federal, estadual e municipal.” – Zuza de Carvalho, diretor de produtos da Sovos.

Entre as vantagens do Smart DF-e, que é utilizado atualmente por grandes empresas de varejo e indústrias, está a capacidade de rodar na nuvem, ter alta escalabilidade e estabilidade, pois os arquivos ficam guardados em formato XML por até dez anos, além de ter integração com qualquer software de gestão.

 

Artigo(s) publicado(s) na revista e relacionado(s)


 

O impacto tributário nos projetos logísticos
Análise e estudos de caso na definição de projetos logísticos

 

 

Veja também: