ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Airport town

 

Categorias

 

Fretebras

 

BYD

 

e-Galpão

 



Wilson Sons amplia movimentação no primeiro trimestre

Publicado em 11/04/2014

Terminais de contêineres, rebocadores e embarcações offshore da companhia registraram crescimento de janeiro a março

O Grupo Wilson Sons encerrou o primeiro trimestre de 2014 com resultados positivos em suas operações reportadas ao mercado. De janeiro a março, os terminais de contêineres, os rebocadores e a joint venture das embarcações de apoio offshore registraram aumento em suas movimentações, como resultado de investimentos recentes, da ampliação e modernização dos Tecons e da adição de novos barcos às frotas.

O Tecon Salvador e o Tecon Rio Grande – terminais de contêineres operados pelo Grupo – registraram um crescimento de movimentação de 24,4% neste primeiro trimestre em comparação com o mesmo período de 2013. Apenas o Tecon Rio Grande obteve alta de quase 30%, e o Tecon Salvador de aproximadamente 14%. Os números são referentes ao total movimentado em TEU (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés).

No terminal da capital baiana, o destaque foi para o recorde mensal histórico no volume de cabotagem, atingido no mês de março. Ao todo, foram movimentados 3.112 contêineres nesta modalidade, número 30% superior na comparação com igual período de 2013. Impactaram no resultado positivo as descargas de eletrônicos e embarques nos segmentos de químicos e petroquímicos

Já o Tecon Rio Grande obteve um alto crescimento no volume de transbordo em março, totalizando um aumento de 243% na comparação ao ano anterior. Os números são um reflexo da alta movimentação de cargas oriundas da Argentina, que são transferidas no terminal gaúcho para outros navios, seguindo posteriormente para a Europa e Extremo Oriente.

A Wilson Sons Rebocadores realizou no primeiro trimestre 13.683 manobras portuárias, volume 9,3% maior que em igual período de 2013. A média de Deadweights, ou seja, o peso movimentado por manobra, cresceu 8,8% no período, totalizando 61,6 mil toneladas.

As embarcações de apoio offshore, operadas pela joint venture Wilson Sons Ultratug Offshore, fechou os três primeiros meses do ano com 1.761 dias de operação, 25,3% a mais que em igual período do ano passado. O número de embarcações próprias também cresceu: eram 15 no primeiro trimestre de 2013 e agora são 18.

Quer se manter atualizado e preparado para o mercado de trabalho?
Clique aqui e descubra como a MundoLogística vai te ajudar!

 

Veja também: